segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

CASO FREEPORT DE ALCOCHETE

Discurso directo de José Sócrates sobre o caso Freeport em Alcochete
Esclarecimentos do 1º Ministro de Portugal sobre o caso que implica alegadamente o próprio e ainda familiares seus.

"Admito que o meu tio me tenha pedido para receber esse Charles Smith. Não registei na minha memória mas admito".
Observação pessoal: Sr. 1º Ministro será amnésia ?
"Não conheço nem conheci pessoalmente nenhum dos promotores ingleses. Participei numa única reunião alargada".
Observação pessoal: Sr. 1º Ministro a ser verdade, outros mentem.
"Se existe um e-mail de um filho do meu tio para o Freeport, invocando o meu nome, considero um abuso de confiança".
Observação pessoal: Sr. 1º Ministro, aqui só para nós, um filho do seu tio é seu primo.
"Na nossa família, como em todas, cada um assume as suas responsabilidades. Tenho o meu tio como uma pessoa séria e honesta".
"A notícia sobre a existência de um DVD com referências ao meu nome é um insulto, uma mentira, uma difamação".
Observação pessoal: Sr. 1º Ministro vamos deixar os investigadores trabalhar, depois se verá, claro que até existir qualquer condenação, todos são inocentes, até porque ninguém está acusado existindo apenas suspeitas.
"Em ano eleitoral, se alguém pensa que me vence desta forma está enganado".
Observação pessoal: Sr. 1º Ministro, é claro que não , pois nós ainda votamos.

Sem comentários: