sábado, 23 de outubro de 2010

Jornalista português gravemente ferido no Afeganistão

João Silva, 44 anos e jornalista, do jornal «The New York Times», ficou gravemente ferido este sábado, no Afeganistão.
A notícia é avançada pela edição online do jornal onde trabalha.
João Silva acompanhava uma patrulha do Exército dos Estados Unidos, quando foi atingido por uma mina terrestre, no Sul do país, perto da localidade de Arghandab.
O jornalista foi atingido nas pernas e foi transportado de helicóptero para Kandahar.
O «The New York Times» adianta que nenhum soldado que participava da patrulha ficou ferido pela explosão, tendo sido o português a única vítima resultante do incidente.
Experiente em palcos de guerra, pois além da guerra no Afeganistão, o fotógrafo cobriu outros conflitos, nos Balcãs, no Oriente Médio, e no Iraque que lhe rendeu vários reconhecimentos e prémios pelos excelentes trabalhos que desenvolveu.


Actualização de notícia de última hora:
Médicos viram-se obrigados a amputar ambas as pernas ao fotojornalista. Domingo/24/10/2010

Sem comentários: