sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Coelho põe Portugal a pão e água

Depois de Portugal ter vivido a pão e vinho durante 48 anos eis que agora e finalmente, é feito um ajuste de contas com aqueles que abusaram da democracia e pensaram que para dela iriam usufruir sem qualquer preocupação, agora estão ser governados a pão e água.
Depois de tanto serem maltratados pelo Sócrates os portugueses vêm aparecer no espetro político o salvador Passos Coelho.
Com tanto de sacana como de incompetente, ei-lo chegado a 1º ministro.
Com a sua corja de manhosos e em especial aquele gajo que se formou na Lusófona em tempo record,  começaram a lixar a malta com as suas leis do custe o que custar.
Ao longo do seu governo tomou medidas de aumentos de impostos que arruinaram completamente a economia portuguesa e depois da medida de hoje de aumento da contribuição dos trabalhadores de 11 para 18% para a segurança social, irá aumentar a recessão e aumento de desemprego, fecho de empresas, etc.
Não sendo economista esta politica, só pode resultar nisto , mas como não me formei na lusófona, até pode  ser que falhe na minha previsão.
Mas como não tenho um gajo contratado como conselheiro de opinião até é provável que falhe, ainda tentei contratar um mas já tinha sido contratado para conselheiro para as privatizações.
Cheguei tarde e a contratação já não foi possível.
Certamente o Cavaco apoiará estas medidas, achando-as equilibradas pois isto dói mas tem de ser.
Por agora e perante as dificuldades dos portugueses ficarei à espera da reação do outro gajo que apoia este governo, aquele que dizia à dias que não admitia aumentos de impostos (o gajo dos submarinos).
Da minha parte esta medida tomada pelo Passos não é mais que uma declaração de guerra, pois este ladrão ao contrário do Robin dos Bosques, este rouba aos pobres para entregar aos ricos, com uma especial atenção aos seus amigos brasileiros e angolanos.


Post Scriptum : Era para ter usado uma linguagem mais cuidada nesta postagem, mas depois do Passos me ter chamado piegas, histérico,e muitos insultos mais, perdi-lhe o respeito.
Ò PASSOS RESPEITA-ME PARA SERES RESPEITADO, POIS POR MIM APENAS SERÁS VAIADO !

Sem comentários: